Professores da Boa Vista vão ser capacitados no uso de quadros interactivos

Educação

Professores da Boa Vista vão ser capacitados no uso de quadros interactivos

Sessenta e sete professores da ilha da Boa Vista vão participar nos dias 13 e 14 de Abril, numa formação promovida pela autarquia local, sobre a utilização dos quadros interactivos nas salas de aula.

Recentemente o presidente da Câmara Municipal da Boa Vista, José Pinto Almeida entregou 08 quadros interactivos à delegação do Ministério de Educação e Desporto (MED) da ilha da Boa Vista, uma a escola do Bairro de Boa Esperança e uma a Escola Francesa.

Desses quadros, 06 foram adquiridos pela Câmara, no valor de mais de dois mil e quinhentos contos (2.510.220$00) e 04 oferecidos pelo município de Cabeceiras de Basto-Portugal, que é geminada com a Câmara da Boa Vista.

A inserção/utilização de novas tecnologias em sala de aulas, isto é, desses quadros necessita de conhecimentos técnicos e de capacitação prévia, daí que estará na ilha da Boa Vista, de 11 a 18 de Abril, um técnico de montagem e um formador portugueses que vão proceder a montagem dos quadros e formar os professores para a sua utilização.

Os quadros serão montados na delegação do MED local, nas escolas básicas de Sal Rei, Boa Esperança, Escola Francesa, Rabil, João Galego, Fundo das Figueiras, Bofareira, Povoação Velha e Estância de Baixo.

A formação que será ministrada pelos portugueses Carlos Jorge Mariano Penão e Hugo Alexandre da Silva Dantas vai acontecer nos dias 13 e 14 de Abril, das 8h30 às 15h30, no Centro de Juventude de Sal Rei.

O uso de quadros interactivos facilita a aprendizagem em sala de aula, por isso, a edilidade promoveu essa formação como forma de dar o seu contributo na melhoria da qualidade do ensino/aprendizagem na ilha da Boa Vista.